O High School Uirapuru prevê a complementação curricular para equiparar a formação do aluno egresso do Ensino Médio ao exigido pela legislação norte-americana. Assim, ao longo de três anos, os alunos brasileiros terão cerca de 560 horas de estudo em disciplinas como Speech (comunicação em público), Government (discussões sobre políticas de governo dos Estados Unidos e do Brasil), Business Information Systems, Economics, bem como literatura inglesa e outros temas.
A carga curricular na área de Exatas já é mais do que suficiente para os padrões norte-americanos – daí a concentração nessas disciplinas adicionais, que são ministradas e avaliadas segundo a metodologia da Texas Tech. Todo o material utilizado no curso é desenvolvido nos Estados Unidos. Do mesmo modo, as provas são corrigidas no Texas, por professores especializados, que acompanham as parcerias estabelecidas pela universidade.
Ao final desse período, os alunos prestam o exame padronizado do Texas, denominado Taks. Uma vez aprovado, o aluno formado dentro desse sistema está formalmente habilitado para o mercado de trabalho nacional e americano, bem como a disputar vagas nas universidades em qualquer instituição norte-americana.
Saiba mais.