Baixe e conheça o nosso Aplicativo Uirapuru

    Feira de Cientistas Uirapuru reúne projetos, todos pensados e executados por alunos do Ensino Fundamental II 

Fazer da escola um verdadeiro laboratório - em cada projeto o aluno aprende, tenta, experimenta, sente e "coloca a mão na massa” -  esse é o objetivo da Feira de Cientistas Uirapuru. Com o tema "A integração dos seres vivos e o Planeta Terra", o evento acontece no sábado, dia 25 de agosto, com a participação dos alunos do Ensino Fundamental II, do 6º ao 9º ano. Neste ano, a novidade será a "Trilha Maker", exposição dos projetos maker, desenvolvidos pelos alunos do 9º ano.
Para a coordenadora Patrícia Olmedo, a feira busca espaço para o aluno protagonista. "Este é o nosso objetivo, que o aluno inove, crie, aprenda da sua maneira, erre e tente novamente. Por isto, neste ano começamos a usar o nome Feira de Cientistas, anteriormente chamada de Feira de Ciências. É o momento deles mostrarem para as famílias e amigos, o empenho e a dedicação nos trabalhos. A autonomia e a criatividade são aspectos importantes para que esses jovens se tornem autoconfiantes, desenvolvam senso de responsabilidade e empreendedorismo”, fala Patrícia. Ela explica que o início dos projetos para a feira acontece desde a primeira semana de aula. "A Feira de Cientistas é um projeto amplo e muito complexo pois envolve pesquisa, desenvolvimento, elaboração da apresentação, cuidados com a escrita, diagramação de display, preparo e treino do texto oral, reunindo habilidades para apresentar suas pesquisas em público", fala.
Para a coordenadora do Colégio Maura Bolfer, a Feira surpreende a cada ano. "Este espaço para que o aluno tenha liberdade, pense, crie e apresente da sua maneira nos traz muitas surpresas boas. O aluno de hoje possui muitas informações e um leque de infinitas possibilidades. A Feira de Cientistas traz um saldo muito positivo, principalmente porque vemos um envolvimento muito grande entre Colégio, alunos e famílias", explica.
A Feira de Cientistas abrange professores das áreas de Ciências da Natureza, Arte, Língua Portuguesa e Tecnologias da Educação. O professor de Ciências, Eric Pizzini, explica a chegada dos projetos maker. "Os alunos estão 100% envolvidos em todos os processos da feira, desde a escolha do tema, da proposta da pesquisa e qual o caminho querem seguir durante as apresentações. Neste ano, a "Trilha Maker” pretende mostrar algo novo e diferente através da evolução da ciência. Muitos optaram por atividades interativas pois pretendem envolver todos os visitantes. Nas aulas, ou mesmo durante nossos encontros no Espaço Maker, os alunos sempre pensam em algo que possa ajudar a comunidade. Fico muito satisfeito em perceber nestes movimentos, uma condução de cidadania", relata Eric.
A Feira de Cientistas acontece no dia 25 de agosto, das 9h às 12h, no ginásio e quadra do Colégio Uirapuru.